Como agradecer a Deus

Texto: Salmos 116.112

12 Como posso retribuir ao Senhor toda a sua bondade para comigo?

                Em 1993, participei de uma viagem missionária ao Chile com as Cruzadas Internacionais. Saímos em grupo de Itaperuna e fomos para São Paulo, de lá nos reunimos com outros irmãos de outras partes do Brasil e fomos para o Chile numa caravana de dois ônibus, para passar cerca de 10 dias evangelizando naquele país. As coisas eram muito caras no caminho, de maneira que eu evitava gastar. Depois daqueles dias, colhendo bons resultados, voltamos para São Paulo. Mas, quando olhei para minha carteira, mesmo com toda economia, eu não tinha mais dinheiro para pagar as passagens de volta para Itaperuna. Por algum motivo, Deus falou ao coração de um pastor que sugeriu ao grupo de Itaperuna que fretássemos o ônibus que nos levou ao Chile, para fazer o trajeto São Paulo X Itaperuna. O grupo topou e vieram me dar a notícia. Eu morrendo de vergonho, disse, não tenho dinheiro pra voltar para casa. E alguém disse: fique tranquilo. Jamais deixaríamos você por aqui. E foi assim que viemos para Itaperuna e me deixaram em casa! Com o frete a passagem caiu para menos da metade do valor, e o amor daqueles irmãos me sustentou. Como agradecer a eles? Como pagá-los por esta bondade, se eu não tinha dinheiro algum? Somente pude contar com a graça e a misericórdia do Senhor que os usou para me atender naquela necessidade, e aí outra questão, como agradecer a Deus? Se nem aos homens eu nada podia fazer além de um muito obrigado?

                Quem nunca passou por situações em que foi grandemente beneficiado, mas que não tem nada para dar em troca, em gratidão?

                A pergunta do Salmista em Salmo 116.12 é um exemplo clássico desta situação: Como posso retribuir ao Senhor toda a sua bondade para comigo? Mas este mesmo salmista dá sugestões de como agradecer ao Senhor. Após apresentar a pergunta, ele sugere algumas respostas. Nos versos posteriores, o salmista fala entre outras coisas de três assuntos:

  1. Invocar o nome do Senhor – Esta é uma expressão que poderia ser traduzida também por proclamar o nome do Senhor. Parece que o salmista está afirmando. Em todos os benefícios que tive em minha vida, diretamente o Senhor está envolvido ainda que usando outros. Então ele afirma, vou invocar o nome do Senhor, preciso reconhece-lo diante de todos. Preciso dizer em alto e bom som que foi o Senhor quem me tem feito benefícios a vida toda. Que todos saibam disso.
  2. Cumprir meu compromisso com Deus. – O salmista fala de cumprir os votos. Ele repete isso no verso 14 e no 18. Parece que cumprir o compromisso assumido com Deus é algo que merece destaque. Se não temos muito a oferecer a Deus, já que dele é a terra e toda sua plenitude, precisamos, pelo menos, cumprir nosso compromisso feito com ele. No Velho Testamento, os compromissos eram votos ou promessas, hoje, nosso compromisso é com o grande mandamento (amar a Deus e ao próximo) e com a grande comissão (fazer discípulos de todas as nações) compartilhando Cristo com outros. Este é o compromisso de quem pertence a Jesus e que o reconhece agindo em favor de sua vida.
  3. Cultuar ao Senhor. – Parece simples falar de culto, mas Deus sempre deixou claro que uma coisa que ele ama é o culto que oferecemos a Ele conforme a vontade dele. Deus espera que nós o cultuemos. O salmista fala do culto de sua época: oferecer sacrifícios. Nós temos outro tipo de culto: oferecemos nossas vidas. Confesso que se uma pessoa não consegue cultuar com outros no templo ou não vê importância no culto junto à sua igreja, tal pessoa ainda não conhece a Deus. Deus ama culto. Ele espera pelo culto de sua igreja. Ele espera pelo seu e o meu culto. Ele libertou Israel do Egito para que este povo lhe prestasse culto.

                Invocar ou proclamar Jesus, cumprir nosso compromisso com Deus por meio de sua igreja, e cultuar ao Senhor. Estas são as sugestões do salmista para que demonstremos nossa gratidão a Deus por todos os benefícios que nos tem feito.

Desafio de hoje; Ore a Deus, agradeça pelas muitas e muitas bênçãos recebidas. A vida, a salvação, a família, o sustento necessário, são algumas destas bênçãos. Ore a Deus para que te ajude a agradecê-lo com as sugestões do salmista. Pregação do evangelho, cumprimento dos compromissos e prazer em cultuá-lo, pelo que Ele é, e não pelo que ele pode dar. Deus nos abençoe.

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *