Ouvindo Deus falar

Texto: Hebreus 1.1,2

1 Há muito tempo Deus falou muitas vezes e de várias maneiras aos nossos antepassados por meio dos profetas,

2 mas nestes últimos dias falou-nos por meio do Filho, a quem constituiu herdeiro de todas as coisas e por meio de quem fez o universo.

3 O Filho é o resplendor da glória de Deus e a expressão exata do seu ser, sustentando todas as coisas por sua palavra poderosa. Depois de ter realizado a purificação dos pecados, ele se assentou à direita da Majestade nas alturas,

Certa vez um homem foi ao médico para saber como estava sua audição. O médico removeu o audiofone e, no mesmo instante, a audição do paciente melhorou! Ele havia usado o aparelho no ouvido errado por vinte anos!

Nos dias atuais vemos as Palavras de Paulo em 2 Timóteo 4 se cumprindo. As pessoas parecem ter coceira nos ouvidos e com seus dedos os tapam para não ouvir a sã doutrina, mas ouvirem o que alguns pregadores falam segundo seus próprios interesses.

No texto lido, o autor de Hebreus afirma que Deus sempre falou. Deus falou muitas vezes, Deus falou de várias maneiras. Mas será que alguém ouviu? A história de Israel registra os feitos miraculosos usados por Deus para libertar os judeus da escravidão egípcia. Eles vêem o mar vermelho se abrir. Eles vão para o deserto vê uma nuvem protege-los do calor intenso, eles veem uma coluna de fogo que os aquecem à noite. Eles veem Deus falar por meio de Moisés. Mas eles não ouvem o que Deus quer dizer. Chega ao ponto de Deus dizer que não quer mais andar com Israel. Mas Moisés intercede. Deus ouve Moises e decide que a geração que saiu do Egito deveria morrer no deserto. Seus filhos liderado por Josué é que procedem. Mas eles não ouvem a Deus por meio de Josué. No final do livro de Josué, este servo de Deus desafio o povo dizendo: vocês podem escolher a quem vão servir, mas eu e a minha casa serviremos ao Senhor. Todos dizem que servirão ao Senhor. Mas será que ouviram as Palavras de Deus. Também não. No livro de Juízes, logo de início encontramos uma declaração terrível. Em Josué 2.10 lemos “depois que toda aquela geração foi reunida com seus antepassados, surgiu uma nova geração que não conhecia o Senhor e o que ele havia feito por Israel” Eles não ouviram a voz de Deus.

Há uma diferença entre ouvir e escutar. Ouvir indica dar atenção. Este era o alerta de Jesus em várias ocasiões. Quem tem ouvidos para ouvir, ouça.

Para ouvir a voz de Deus é preciso ter mais que ouvidos, é preciso ter um coração receptivo à sua palavra.

Se as muitas vezes e as muitas maneiras pelas quais Deus falou no Velho Testamento não surtiram efeito, Ele nos falou de forma definitiva por meio de Jesus Cristo.

Cristo é a expressão exata do ser de Deus e sustenta todas as coisas por meio da sua palavra poderosa. Fica evidente. Cristo é a revelação final de Deus. Depois de conhecer Jesus, você não precisa de nenhuma outra revelação.

Deus está falando. Mas será que você está ouvindo? A questão, portanto, não é que Deus precise lhe dar novas revelações, mas que você ouça o que ele diz em sua Palavra e seja obediente a ela.

Desafio de hoje: Ore e peça a Deus para lhe falar ao coração quando você estiver lendo sua Palavra. Mas lembre-se, leia a Palavra. Bíblia e oração andam juntas. Que Deus abençoe sua vida.

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *